Como melhorar o boot do Linux?

Como melhorar o boot do Linux

Neste artigo vou dar umas dicas de como inicializar seu sistema operacional linux de forma mais rápida, ou seja, como melhorar o boot do Linux.

Assim como no Windows, existem técnicas para melhorar a inicialização do sistema operacional. Neste caso iremos desabilitar alguns serviços que demoram para iniciar durante o boot. Além disso, você irá aprender quanto tempo leva para seu Linux inicializar e como reduzir esse tempo se a inicialização estiver lenta.

O que é o Systemd-Analyze?

Esta é uma ferramenta que pode ser usada para saber as estatísticas da última inicialização do sistema. Com o Systemd-Analyze, você pode procurar a informação sobre quanto tempo o sistema leva para inicializar e também quanto tempo cada unidade leva para iniciar. Felizmente, você não precisa instalar essa ferramenta, pois ela já vem instalada em todas as distribuições linux. Para utilizar o Systemd-Analyze, abra o terminal e digite o seguinte comando:

systemd-analyze

Quando você executa este comando a ferramenta computa o tempo que o sistema levou até completar a inicialização. Ela mostra esse tempo dividido em Kernel e Userspace. Veja um exemplo na imagem abaixo:

Como melhorar o boot do Linux

Como saber quais são os serviços lentos?

Se o tempo de Boot do seu sistema está lento, você precisa achar qual serviço está deixando ele lento no processo de inicialização. Para isso você pode utilizar o comando systemd-analyze blame. Este comando simplesmente lista todos os serviços que iniciaram durante a inicialização do sistema, e mostra também o tempo que cada serviço levou para iniciar. Com esta informação você pode otimizar o tempo de inicialização do sistema.

sudo systemd-analyze blame

Com este comando, aparecerá este resultado, note que ele lista do serviço mais lento de iniciar até o mais rápido:

Como melhorar o boot do Linux

Geralmente, as primeiras 10 linhas são o bastante para descobrir os vilões que estão deixando seu sistema mais lento na hora de inicializar. Portanto, podemos canalizar o comando acima com o comando HEAD, da seguinte forma:

sudo systemd-analyze blame | head

Você também pode imprimir a saída na forma de uma árvore da cadeia de eventos de tempo crítico. Digite o seguinte comando no Terminal para fazer isso:

systemd-analyze critical-chain

Na saída do comando, você verá uma cadeia de eventos ordenados pelo tempo, de forma decrescente. O valor após o caractere “@” em cada evento é o momento em que o serviço se tornou ativo. Já o valor após o caractere “+” em cada unidade mostra o tempo que o serviço demorou para iniciar.

Está na hora de eliminar os vilões e serviços desnecessários na inicialização. Analise quais serviços são realmente necessários inicializar com o sistema e desabilite-os.

Desabilitando os Serviços

Para desabilitar qualquer serviço, use o comando:

sudo systemctl disable nome-do-servico

Agora só depende de você

Então pessoal, isso é tudo, é bem simples e bem útil. Assim desabilitamos serviços na inicialização do Windows, no Linux também temos esta possibilidade, e veja só, de uma forma muito mais detalhada e eficiente. Com a lista de serviços mais demorados na hora do boot, cabe a você desabilitar aqueles que estão atrapalhando de alguma forma o sistema operacional.

Outro ponto importante é que podemos visualizar os serviços que muitas vezes não utilizamos mais, e que, não era nem para estar instalado no sistema.

Luan Oliveira on FacebookLuan Oliveira on InstagramLuan Oliveira on Linkedin
Luan Oliveira
Me chamo Luan Oliveira, Pós-graduado em Projetos e Arquitetura de Cloud Computing e bacharel em Sistemas de Informação pela UFPA. Atualmente, trabalho como Especialista em Eletrônica na Força Aérea Brasileira realizando manutenção e configuração de sistemas de navegação aérea e radiocomunicação. Sou um grande fã da Computação, e ao mesmo tempo gosto de estar em meio a natureza, esportes, games, livros e muitas vezes sou apenas um espectador dessa breve vida na terra.

Deixe uma resposta